Depois de provocar estragos no Sul, ciclone extratropical chega a São Paulo

11/08/2022

Depois de provocar estragos na Região Sul, um ciclone extratropical chegou a São Paulo, nesta quarta-feira (10).

A Defesa Civil de São Paulo emitiu alerta para baixas temperaturas e fortes ventos, em decorrência de uma frente fria associada a um ciclone extratropical. Esses dois sistemas meteorológicos mantêm o tempo instável e chuvoso até quinta-feira (11).

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o nordeste do estado de São Paulo tem pequena possibilidade de formação de geada.

Nesta quinta-feira (11), a precipitação e a nebulosidade diminuem, mas o frio aumenta, com temperaturas que variam entre a mínima de 10°C e máxima de 15°C. A umidade do ar segue elevada, com percentuais entre 60% e 95%.

Estragos

Nas últimas horas, o ciclone provocou um rastro de estragos no litoral de Santa Catarina e no Paraná.

De acordo com informações da Defesa Civil dos dois estados, até o momento, não há registro de pessoas feridas. No entanto, a tempestade já deixou moradores desabrigados e desalojados.

Na cidade de Porto Belo, no litoral Norte de Santa Catarina, um outdoor caiu sobre a rodovia e quase provocou uma tragédia.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Militar Rodoviária, vários rodovias foram bloqueadas por causa de deslizamentos.

Em Balneário Camboriú, na manhã desta terça-feira, a estrutura de um restaurante flutuante se desprendeu e foi arrastada para alto-mar da Praia Central. Ninguém estava no local. O restaurante ficou à deriva.

Ciclone no Paraná

O ciclone extratropical também assustou moradores do litoral do Paraná.

Um pescador, que estava na baía de Guaratuba, filmou o momento em que as rajadas de vento tocam o mar e formam uma coluna.

O redemoinho assustou os ocupantes dos barcos da região.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por PARANÁ FORTE ???????? (@parana_forte)

 

FONTE: https://www.canalrural.com.br/noticias/nacional/depois-de-provocar-estragos-no-sul-ciclone-extratropical-chega-a-sp/

Contato